Outro dia indiquei um documentário sobre a Mossad de Israel 🇮🇱 e hoje indico uma série documental brasileira. Assistir programas diferentes tem sido um esforço para tentar me convencer que a Netflix ainda compensa o investimento.

😂😱

Guerras do Brasil.doc traz, em 5 episódios, um panorama sobre uma triste realidade nossa: a violência urbana. Sim, há uma ideologia (de “esquerda”) clara, mas isso não muda os fatos históricos.

O viés é interessante, pois costura a desigualdade social e a luta política pelo poder, tanto na política interna quanto externa, na sociedade democrática – ou não!, como se vê com Getúlio Vargas – ou nos espaços prisionais como Carandiru e Ilha Grande, chegando ao nascimento do PCC.

Em episódios de cerca de 30 minutos, a série lançada em 2018 traz especialistas quecomentam como o Brasil foi formado por séculos de conflito armado, desde os primeiros conquistadores até a violência nos dias de hoje.

Veja detalhes dos episódios:

1. As Guerras da Conquista

A guerra da conquista ainda não acabou. Veja como a população indígena foi dizimada e segue sua luta pela demarcação de terras até os dias atuais.

2. As Guerras de Palmares

Cerca de 12 milhões de negros foram trazidos como escravos para o Brasil. A guerra dos Palmares escancara uma ferida que marca o país até hoje.

3. A Guerra do Paraguai

Maior conflito da América Latina, a Guerra do Paraguai uniu Brasil, Uruguai e Argentina e deixou um saldo de 370 mil mortos em mais de 5 anos de confrontos.

4. A revolução de 1930

A Era Vargas e o fim da Velha República. O paulista Júlio Prestes vence no voto, mas Getúlio sai de Porto Alegre e toma o Palácio do Catete à força.

5. Universidade do Crime

Um retrato da falência do sistema prisional e o mapa do crime organizado, que domina os presídios, organiza o tráfico e mata mais de 60 mil pessoas por ano.