Eu queria saber:

O que estudou Katie Bouman, a cientista por trás da foto do buraco negro?

O texto de Taís Ilhéu me deu respostas.

Bom, se você não ligou o nome a pessoa, eu relembro ou explico: num feito histórico para a ciência, em 2019 pela primeira vez, vimos a imagem de um buraco negro. O feito não só comprova teorias científicas anteriores, como a da relatividade elaborada por Einstein, como também servirá de base para novos estudos.

Junto com a imagem do buraco negro, algumas outras ficaram famosas e circulam nas redes sociais, são imagens da jovem cientista que foi autora do feito!

Katherine Louise Bodman fez graduação em Engenharia Elétrica na Universidade de Michigan.

 

Quando fazia o mestrado em Engenharia Elétrica e Ciências da Computação no Instituto de Tecnologia de Massachusetts, o MIT, ela apresentou fórmula para deste algoritmo pela primeira vez. Nesta época, ela passou a liderar a equipe de cientistas – ao longo dos últimos três anos foram cerca de 200 – que tentava extrair os dados dos radiotelescópios.

Sua dissertação de mestrado, intitulada Estimando as Propriedades Materiais do Tecido através da Observação do Movimentorecebeu o Prêmio Ernst Guillemin de Melhor Tese de Mestrado. Concluiu também no MIT o seu doutorado. Atualmente, Katie Bouman desenvolve sua pesquisa de pós-doutorado no Centro de Astrofísica Harvard-Smithsonian e leciona no departamento de Computação e Ciências Matemáticas do Instituto de Tecnologia da Califórnia (Caltech), em Pasadena, nos Estados Unidos.

Ouçam ela mesma contando do feito.

Sabe qual a parte mais legal?

Ela não só é membro da Event Horizon Telescope Collaboration, equipe do MIT que obteve a imagem, mas na verdade o trabalho do EHT sequer seria o que hoje é sem sua participação!

P.S. O professor do vídeo que incorporei é da UFABC, a universidade federal do ABC paulista da qual já falei no blog e sempre falo nas nossas redes sociais!

Anúncios